Benlhevai

Texto de Apresentação

Benlhevai, 25 de Maio de 2011

Amigos,

Com a ideia desta página da internet destinada à nossa terra, Benlhevai, surgiu a oportunidade de iniciar um projecto antigo, que por motivos vários tinha vindo a ser adiado. Achei que era este o momento certo para me lançar neste trabalho, e meti mãos à obra. Fiz pesquisas na internet, em museus, vasculhei documentos meus e outros emprestados, recolhi histórias em prosa e em verso dos nossos compatriotas mais velhos.

A história foi assim tomando forma, foram aparecendo elementos que eu próprio desconhecia, fui-os juntando, tirando conclusões, metendo pelo meio umas histórias que é importante que sejam contadas, umas alegres e outras tristes, que a vida é feita de histórias assim. Acontece na vida de qualquer um de nós, e acontece também na história dum país ou neste caso duma aldeia.

No momento em que esta história começa a ser publicada tenho o trabalho a meio. É assim tempo de qualquer um de vós me ajudar com histórias que conheça, documentos que tenha, qualquer dado que ache de interesse. A quem o fizer, fica aqui desde já o meu obrigado.

Vou publicar esta história aos poucos, por um lado porque ainda não está terminada, por outro para tornar a leitura mais agradável. Todos os meses irá aparecer uma parte. Para ajudar, está nesta página um dicionário de Benlhevai, com termos que faziam parte da nossa linguagem, e que agora se vão perdendo.

Espero que esta história seja do agrado de quem a ler. Se assim for, ficarei com a consciência de ter dado a minha contribuição para o engrandecimento da minha terra – BENLHEVAI.

Um abraço para todos os leitores, do

José Maria