Dicionário

Dicionário

Palavra Descrição
PírtigoPeça do malho, em madeira, que serve para malhar o cereal
PainçoCereal, de pequenas dimensões, que se apanhava quase seco, ficava na terra estendido para acabar de secar, e que servia para a alimentação dos animais
PalaiadaFartote de comida
PanaventoUtensílio e brinquedo, constituído por um pau, e na ponta algo parecido com uma hélice, de forma a rodar com a deslocação do ar
PandeiroPança, traseiro de grandes dimensões
PandilhaIndivíduo de mau carácter
PaneloPequena panela
PangaiaLapantim
PaqueteMoço de lavoura, ajudante de pastor
ParpalhaçaCodorniz
ParroloQuerido, carinho com que se tratam os mais pequenos
ParvaConjunto de molhos de cereal, postos ao alto, para acabarem de secar
PascoeiraTufo de erva
Passado manhãDepois de amanhã
PassadorO que tratava do transporte clandestino para emigrar
PatassôlaJoaninha
PatrãoMarido
PatroaEsposa, mulher
PechorraVasilha pequena que servia para ir buscar agua às fontes
PeguilhoO que se come a acompanhar o pão, as batatas, etc.
PeidoRedemoinho no cabelo, na zona da testa
PeinadoPenteado, com o cabelo bem arranjado
PenagueiroDar o penagueiro - morrer, esticar o pernil
PenouchoPobre diabo
PenteelaPente de dentes grossos
PercatarDar por ela depois de distraído
PerguiceiroPreguiçoso
PiçarraRocha que se encontra enterrada, sendo apanhada pela relha, ao lavrar
PilouGaroto malandro
PinalhoA frente do carro onde se prendia o jugo
PinchabelhoInstrumento pequeno
PincharCair, tombar
Pinga Um copo ou gole de bebida.
PingorelhoBocado de gelo pontiagudo, formado pela água que gelava nos beirais ou em pequenas quedas de água
PinocroPinoco, o ponto mais alto
PinoteCouce, patada dum animal
PipoParte da bola de futebol através da qual se metia o ar
PirogaloPequeno grão duma erva rasteira; Jogo popular
PiscoPequeno pássaro migrante que passa em Portugal por Agosto e Setembro e fica até ao Inverno
PitaGalinha
Pito Engrougido Pito com frio, pessoa enfezada
PoldronaMulher mal feita
PoltricaMalabarismo
PombelaParte do carro entre o pinalho e o sobrado, onde o pinalho se divide em dois e vai alargando até ao sobrado
PostaletePequeno poste
PousadaConjunto de 5 molhos de cereal
PousoLocal estratégico
PovoPovoação, a zona urbana da aldeia
PrôaVaidade
PrecatarQuando me precatei - quando dei por ela
PreguiçaMesa rebatível que se desce do escano
PrifolhaPequeno pássaro migrante que passa em Portugal por Agosto e Setembro, com pouco corpo e muitas penas
ProioNádegas
ProsmeiraCriqueira, vaidosa, emproada
PulbarinhoTurbilhão de vento, em redemoinho
PulhaVil, desprezível
PulhasTradição de fazer casamentos, à noite, normalmente em tom jocoso, no período entre o Natal e o Carnaval